sábado, 30 de abril de 2011

Casamento Real, Imaginário e Simbólico

Quem nunca um dia na vida imaginou casar, que atire a primeira pedra.
Não sei se é natural do sexo feminino ter grade apreço por casamentos, mas confesso que gosto - e bastante!

Meu primeiro contato com casamento que consigo reativar na minha memória, foi quando vi o álbum de casamento dos meus pais.
Minha querida mãe, carinhosamente me mostrando e relembrando deste dia que pode-se considerar um dos mais felizes da sia vida. Ao final, ela me mostrou o convite e perguntou: "Você quer ir?" E eu: "Claro!". Confesso que realmente acreditei que pudesse ir para aquela festa pelo fato de ter o convite na mão. Só não sabia que ainda não se fabricam máquinas do tempo, tipo aquela que tem no filme De Volta para o Futuro... :)

Na minha fase atual de vida, muitas pessoas próximas vem se casando. Alguns amigos juntando as escovas de dente, outros realmente investindo na cerimônia. Eu mesma sou uma delas que já divido o teto com o amor da minha vida, mas temos muito claro em nossos planos que um dia seremos os protagonistas deste ritual de passagem tão maravilhoso que qualquer ser humano deveria passar um dia na vida. Mas isso irei falar mais prá frente.

Sou uma manteiga derretida, choro em todos os casamentos, ainda que mal conheça os noivos. Isso não é nenhuma novidade pois quase 100% das mulheres agem desta forma.

Não tenho como deixar de comentar do casamento mais pop desde globo que aconteceu ontem em rede mundial. Acordei antes do despertador, infelizmente meia hora depois do início. Não vi a noiva entrando na Abadia, mas pude ver o finalzinho da cerimônia.
Ao entrarem na carruagem com todas as pessoas ali, queria me teletransportar para aquela cidade para ver de perto e ao vivo toda a pompa do casamento real.
Grudei na TV de uma tal forma, que alternava os canais para não perder um segundo sequer enquanto a indústria explorava a altíssima audiência para propagar seus produtos.

Decidi que atrasaria no trabalho, não perderia por nada neste mundo este momento que ficará para a história.
Aguardei ansiosamente o momento mais esperado (e o que eu mais gosto!): o beijo.
Eles saíram da Abadia sem um beijinho sequer. Príncipes e Princesas tem que se beijar no balcão do Palácio, é mais chic.
A TV começou a reprisar os melhores momentos do casamento enquanto a longa espera pelo gran finale acontecia. O mundo todo estava voltado para aquela sacada.

Até que, pontualmente às 9:25, lá estão eles e toda sua família. Sorrisos e acenos.
Em uma fração de segundos.... um selinho! Todos (inclusive eu) devem ter pensado: "mais só??". O protocolo dizia que eles ficariam por lá por aproximadamente 5 minutos.

Eu já estava mais do que atrasada para o trabalho, mas sairia dali somente depois que eles entrassem e a janela se fechasse de vez. Até que.... mais um beijinho! Desta vez mais demorado que o outro! Lindo!
A multidão vibrou! Eu então, mais ainda! Uma lágrima caiu do meu rosto.

Saí de casa e percebi que dirigia entorpecida de felicidade. Como é bom ver a celebração de um amor, todos os sentimentos vem à tona, sua vida passa como num rolo de filme. Realmente é um momento prá lá de especial.

Este ano, meu coração irá bater mais forte por duas vezes: duas grandes amigas irão celebrar seu amor eterno. Não vejo a hora. Terei que deixar a maquiagem à prova de tempestade, pois lágrimas irão rolar..... de muita felicidade, é claro.



P.S.: Uma das noivas que cito acima, cuidadosamente posta em seu lindo blog quase que diariamente tudo sobre o grande dia: http://tevejoemcasa.blogspot.com/



A melhor parte do casamento: o beijo - este foi o mais longo e mais juntinho. Que sejam felizes para sempre!

3 comentários:

  1. Tb assisti esse quase todo, mas confesso que prefiro trocar o da REALEZA pelos REAIS, com menos protocolo e mais emoção.

    Quero ir no seu ein?
    Vou chorar muittoooo....

    ResponderExcluir
  2. Oi Mari,

    Eu estava doente na sexta, então passei a manhã na frente da TV. Fiquei babando, sonhando e criticando também!
    A noiva estava linda, tanto na cerimônia quanto no vestido da festa: http://casarei.net/2011/04/o-segundo-vestido/
    Achei uma graça o carinho da irmã dela também, entre outras coisas que deveriam servir de exemplo desse casamento: http://vestidadenoiva.com/inspiracoes-do-casamento-real
    Mas como tudo tem um outro lado, tô te mandando um post bem bacana que me fez pensar em como essa mulher terá que abrir mão de várias coisas pra ser feliz do lado do homem que ama: http://casarei.net/2011/04/plebeias-podem-princesas-nao/
    Não deixe de ler os comentário!
    Beijoss

    ResponderExcluir
  3. Também fiquei babando. Muito chique!
    bjs

    ResponderExcluir